Você está aqui

Profissionais da medicina, saúde e afins (223)

Código: 
223
Nível: 
Subgrupo

Informações no sistema

Período: 2.007 a 2.017
Número total de vínculos (RAIS): 6.730.643
Número total de vínculos com afastamento (RAIS): 622.389
Número total de vínculos com afastamento por doença (RAIS): 356,694
Número total de vínculos com afastamento relacionado ao trabalho (RAIS): 20.447

Este protocolo foi elaborado pela equipe técnica do Cerest de Betim em conformidade com as orientações da Diretoria Operacional de Saúde para que a Saúde do Trabalhador fizesse parte do processo de organização da Atenção Primária à Saúde em curso no município.

O Curso EaD de Intoxicação por Agrotóxicos: noções gerais é destinado a profissionais da saúde de nível superior e profissionais que atuam na Vigilância em Saúde. É uma iniciativa do Programa Nacional de Telessaúde Brasil Redes, através da Secretaria de Gestão do Trabalho e Educação na Saúde (SGTES) do Ministério da Saúde, em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul (SES-RS), através do Centro Estadual de Vigilância em Saúde (CEVS) e do Núcleo de Telessaúde Técnico-Científico da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, (TelessaúdeRS/UFRGS).

2o seminário de um conjunto de 10 que compõem o Curso de Especialização em Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana.
Neste seminário serão discutidos dados epidemiológicos do município de São Paulo.
Com a participação de Heleno Corrêa e Rita Bessa.

O Centro de Estudo em Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana da Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca (Cesteh/Ensp/Fiocruz/MS) realizou nos dias 27 e 28 de junho de 2016, das 9 às 16h no Salão Internacional da Escola Nacional de Saúde Pública/Fiocruz a III Oficina de Formação e Qualificação em Saúde do Trabalhador – diálogo com os atores da prática.

O artigo é uma contribuição para as discussões metodológicas do pilar participação que orienta as estratégias de Promoção da Saúde. Reflete sobre as bases conceituais e metodológicas das Comunidades Ampliadas de Pesquisa-ação (CAP) como dispositivos para uma Promoção Emancipatória da Saúde (PES), tomando por referência a experiência do Laboratório Territorial de Manguinhos.

O Caderno de Atenção Básica nº 41 – Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora compreende parte de um esforço compartilhado entre o Departamento de Atenção Básica da Secretaria de Atenção à Saúde do Ministério da Saúde (DAB/SAS/MS) e a Coordenação-Geral de Saúde do Trabalhador.