Você está aqui

formação em ST

O Cesteh convida a todos para participarem ao vivo da webconferência sobre Trabalhadores Rurais  dia (26/09/2017) com a médica do Cerest de Santa Cruz do Sul/RS Adriana Skamvetsakis.

Para acessar, basta acessar o link https://conferenciaweb.rnp.br/webconf/rutesigsaudedotrabalhador no horário da atividade, às 14 horas.

Na próxima terça-feira, 27 de junho, será realizada mais uma webconferência fruto da parceria entre o Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana (Cesteh/ENSP) e a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), através Rede Universitária de Telemedicina (RUTE). Com o tema VigiaSUS do Paraná, a webconferência contará com a participação do diretor do Centro Estadual de Saúde do Trabalhador do Paraná, José Lúcio dos Santos.

A webconferência ocorrerá hoje, às 14 horas.

Para contribuir com a melhoria da saúde do trabalhador e da trabalhadora, a Una-SUS/UFMA abre nesta terça-feira (09) inscrições para o curso de capacitação em “Vigilância em Saúde do trabalhador e trabalhadora”. Os interessados podem se matricular até o dia 23 de setembro deste ano.

Profissionais de saúde, sociólogos, poetas, estudantes e uma vontade de pensar e agir em rede. Nos dias 21 e 22 de novembro, foi realizada a Iª Oficina - Rede de Pesquisa em Saúde do Trabalhador. O objetivo do encontro foi dar o primeiro passo para a constituição dessa rede que, ao reunir pessoas de formações e áreas de atuação diversas, discuta os temas mais urgentes que dizem respeito ao mundo do trabalho.

O Departamento de Direitos Humanos, Saúde e Diversidade Cultural da Escola Nacional de Saúde Pública (Dihs/ENSP) está com inscrições abertas para o curso de Especialização em Direitos Humanos e Saúde, na modalidade presencial.

Trajetória e desafios da formação em Saúde do Trabalhador será o tema da próxima edição do Encontros do Cesteh, marcada para o dia 26 de outubro, das 12 às 14 horas, na sala 32 do Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador. Mediado pelo pesquisador Gideon Borges, o evento terá palestras das pesquisadoras da ENSP Maria Blandina Marques, Rita Mattos e Simone Oliveira. A atividade é aberta ao público e não necessita de inscrições.

A Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP), unidade técnico-científica da Fundação Oswaldo Cruz, torna públicos o cronograma e as normas para a seleção de candidatos ao curso de Mestrado Profissional em Vigilância em Saúde do Trabalhador realizado com o apoio da Coordenação Geral de Saúde do Trabalhador da Secretaria de Vigilância em Saúde, do Ministério da Saúde.

Coordenação

Ana Maria Cheble Bahia Braga (CESTEH/ENSP/FIOCRUZ)
Simone Santos Oliveira (CESTEH/ENSP/FIOCRUZ)

A Comissão Intergestores Bipartite do Rio Grande do Sul publica a Resolução No. 266 de 2016 que reprova a pulverisação aérea de agrotóxicos para controle de vetores no Estado e enfatiza ações prioritárias em relação ao controle químico, tais como a educação, informação e mobilização da sociaedade, as ações de vigilância em saúde, a limpeza e conservação dos ambientes, as ações multisetorias e o saneamento básico.

O Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva - Mestrado e Doutorado da UFAC, aprovado pela CAPES e em consórcio com a FIOCRUZ, juntamente com a Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, Núcleo de Estudos, Eventos, Pesquisas e Extensão em Saúde e Centro de Ciências da Saúde e do Desporto, ambas da UFAC, em co-promoção com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Acre, a Secretaria de Saúde do Estado do Acre e Secretaria Municipal de Saúde de Rio Branco e demais parceiros, têm a grata satisfação de promover o XIII FÓRUM INTERNACIONAL EM SAÚDE: SAÚDE E SEGURANÇA NO TRABALHO NA

Tags: 

O Curso EaD de Intoxicação por Agrotóxicos: noções gerais é destinado a profissionais da saúde de nível superior e profissionais que atuam na Vigilância em Saúde. É uma iniciativa do Programa Nacional de Telessaúde Brasil Redes, através da Secretaria de Gestão do Trabalho e Educação na Saúde (SGTES) do Ministério da Saúde, em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul (SES-RS), através do Centro Estadual de Vigilância em Saúde (CEVS) e do Núcleo de Telessaúde Técnico-Científico da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, (TelessaúdeRS/UFRGS).