Você está aqui

curso

A Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, por intermédio do Grupo Direitos Humanos e Saúde (Dihs), pretende formar 2400 Agentes de Vigilância para a Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador (Renast) nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste do país. A iniciativa é coordenada pelo pesquisador do Dihs/ENSP Luiz Carlos Fadel, que reuniu representantes das três regiões no final de fevereiro, na ENSP, para definir a coordenação colegiada do projeto.

Podem participar profissionais de seis cidades do Sul do Rio de Janeiro.
Qualificação é em LER/DORT; cadastro deve ser feito até 20 de fevereiro

Uma das atribuições da Política Nacional de Saúde do Trabalhador é promover a formação e a capacitação dos profissionais do Sistema Único de Saúde (SUS). A Escola Nacional de Saúde Pública, como parte integrante da iniciativa, vem atuando na qualificação dos profissionais do SUS, em diversas regiões do país, com a Área Técnica de Saúde do Trabalhador do Ministério da Saúde (CGESAT/SVS).

Seguindo os pressupostos da Educação do Campo - entendida como processo e resultado das contradições e conflitos em que camponeses e trabalhadores rurais estão envolvidos - e da pedagogia da alternância, que respeita a dinâmica de trabalho dos educandos com seus territórios, a ENSP torna pública a seleção para o curso de mestrado profissional em Trabalho, Saúde, Ambiente e Movimentos Sociais.

Com o objetivo de aprofundar conhecimentos e habilidades técnicas em setores específicos do saber, a ENSP está com inscrições abertas para cinco cursos de especialização e dois de atualização em sua grade. Os cursos, que atraem estudantes brasileiros, latino-americanos e dos Países Africanos de Língua Portuguesa (Palops), integram o programa de formação baseado em competências. O programa é percebido como fundamental para o aprimoramento do SUS e o fortalecimento das ações e serviços de saúde nas esferas local, nacional e, cada vez mais, global.

Inscrições poderão ser efetuadas do dia 06 de Junho ao dia 21 de Junho de 2013

O Laboratório de Ensino a Distância do Instituto de Estudos em Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio de Janeiro (LABEAD/IESC/UFRJ), integrante da Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde (UNA-SUS), estará com seleção aberta para o curso de Capacitação a Distância em Saúde, Desastres e Desenvolvimento do dia 06 de Junho a 21 de junho de 2013.

Qualificar profissionais que atuam no SUS para incorporar as relações entre produção, ambiente e saúde às práticas de saúde, de modo a solucionar problemas concretos, considerando o processo produtivo como determinante do processo saúde-doença e da degradação ambiental é o objetivo do curso de especialização em Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana da ENSP – na modalidade a distância desde 2006. Atualmente, com cerca de 800 alunos, o curso está sendo ministrado para 14 municípios do estado de São Paulo.

De 7 a 9 de Maio de 2013, no CEREST Pindamonhangaba.

Público-alvo: Técnicos em Segurança do Trabalho: 7 de maio

19h—Inscrição.
19:30h—Ampliação conceitual da análise de acidentes de trabalho + Análise de mudanças e barreiras, porTST Samantha Faria.
21h—Implicações e Conduta Médica frente ao Acidente de Trabalho, por Dr. Celso Araujo.
22h—Encerramento.

Estão abertas as inscrições para mais uma edição do Seminário David Capistrano da Costa Filho de Atualização em Saúde e Ambiente, promovido pelo Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública e Meio Ambiente da ENSP. A oitava edição dos Cursos de Inverno ocorrerá no período de 1º a 19 de julho e oferecerá 19 disciplinas de curta duração que abordam diferentes aspectos conceituais nessa área temática.

As inscrições para o Curso de Introdução à Saúde do Trabalhador encerram segunda-feira, 04. Realizado pelo Centro Regional de Referência em Saúde do Trabalhador da Macrorregião Missioneira (Cerest/Ijuí), o curso é gratuito e busca difundir para os dirigentes sindicais da região conhecimentos acerca da saúde do trabalhador e suas interfaces.

O Curso está dividido em 12 módulos, totalizando 40 horas. Os encontros acontecerão nos municípios sedes das quatro Coordenadorias Regionais de Saúde (CRS) da Macrorregião Missioneira, ou seja, em Cruz Alta, Santo Ângelo, Santa Rosa e Ijuí.

Tags: