Você está aqui

trabalho rural

Resumo O presente trabalho destaca a análise do processo de trabalho do cortador da cana-deaçúcar na região nordeste do Estado de São Paulo, Brasil, buscando apreender os seus padrões de desgaste-reprodução.

A proposta deste estudo surgiu de uma demanda do Sindicato dos Trabalhadores de Rurais de Guaraçaí (anexo 1), município localizado no interior do Estado de São Paulo.

Julho é o mês de agenda científica e cultural no Centro Estadual de Referência em  Saúde do Trabalhador Manoel Jacaré, unidade da Secretaria da Saúde do Estado. Entre as atividades, destaque para o lançamento do Cine Trabalhador, nesta quarta-feira (25), às 17 horas, no auditório do Cerest, Avenida do Imperador, 498, Centro de Fortaleza, com a exibição do filme de curta metragem “A Saga de Maria Antônia”, de Alexandre Estevanato e Aline Alencar e trilha sonora de Carlos Vergalim. O lançamento do cine marca as comemorações do Dia Nacional do Trabalhador Rural, em 25 de julho.

Pesquisa em parceria com a FUNDACENTRO visa pauta específica para o setor

O Sindicato dos Trabalhadores e Empregados Rurais de Guaraçaí (STER) realizou na última terça-feira, 19 de junho, a apresentação dos resultados do estudo realizado sobre o cultivo da cultura do abacaxi na região.  Maria Cristina Gonzaga, pesquisadora da FUNDACENTRO-SP (Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho) demonstrou os dados referente à pesquisa feita em parceria com o Centro de Referência em Saúde do Trabalho (CEREST-Ilha Solteira), Universidade Federal da Paraíba e Conselho Municipal de Saúde.

As relações desumanas de direito, saúde, dignidade e trabalho, sob as quais os trabalhadores do agronegócio da cana-de-açúcar estão submetidos no corte da cana e nas usinas canavieiras, foram expostas durante a sessão científica do Grupo Direitos Humanos e Saúde da ENSP, na quinta-feira (3/5). A atividade marcou o lançamento do documentário Conflito, dirigido por José Roberto Novaes, e comoveu o público pela dura realidade e alta exploração do trabalho, a partir do depoimento da diretora da Federação dos Empregados Rurais Assalariados do Estado de São Paulo (Feraesp), Carlita da Costa.

O Paraná é um dos estados que mais utiliza agrotóxicos no país. Esta utilização maciça traz inúmeros impactos negativos à saúde humana e à natureza. Dentre estes, destacam-se as intoxicações em trabalhadores de diversas atividades onde há uso destes produtos.

Atua no desenvolvimento de projetos estratégicos de apoio à cooperação técnica para o desenvolvimento institucional, relacionados à vigilância em saúde ambiental e à saúde do trabalhador, na perspectiva da promoção da saúde.

Executa ações de pesquisa, ensino e capacitação, nos campos de:

Em 2011 foi assinado Acordo de Cooperação entre a CONTAG e o Ministério da Saúde, com vigência de 4 (quatro) anos, onde foram caracterizados os principais consensos em relação ás ações a serem executadas de forma conjunta, dentre outras ações.

O Observatório da Política Nacional de Saúde Integral das Populações do Campo e da Floresta (PNSIPCF) visa a avaliar e contribuir para implantação dessa Política por meio de uma Teia de Ecologia de Saberes e Práticas envolvendo intelectuais engajadas/os, pesquisadoras/es populares dos movimentos sociais do campo e da floresta e os gestoras/es e trabalhadoras/es do Sistema Único de Saúde (SUS).