Você está aqui

Sergipe (28)

Código: 
28
Nível: 
Estado

Informações no sistema

Período: 2.007 a 2.017
Número total de vínculos (RAIS): 5.664.600
Número total de registros de acidentes e doenças do trabalho (AEAT): 31.306
Número de notificações de agravos relacionados ao trabalho (SINAN): 6.284

O documentário A Vida não é Experimento, lançado na última sexta-feira (26) pelo Sindicato Nacional dos Trabalhadores de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário (SINPAF) já está disponível na internet, no canal do SINPAF no youtube.

A Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), realiza o I Fórum Regional em Saúde do Trabalhador, para debater as novas diretrizes e estratégias do Ministério da Saúde para o setor. O evento teve início ontem e segue nesta quinta-feira, 3, no auditório da Secretaria de Estado da Inclusão, Assistência Desenvolvimento Social (Seides).

Tags: 

Este é um livro que extrapola o âmbito de abrangência da pesca artesanal. Os estudos e experiências aqui retratadas podem servir de interesse aos profissionais do campo da saúde do trabalhador e da saúde pública que, finalmente, dispõem de uma obra temática e compartilhada por diversos autores, com informações técnicas e científicas extensivas às categorias não assalariadas, agrícolas, artesãs, tradicionais ou não, que estão desassistidas no direito universal à atenção à saúde do trabalhador.

A 4ª Assembleia Geral do Fórum Estadual de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (FEPETI) será realizada nesta quinta-feira, 6, das 8h às 12h, no auditório da Caixa de Assistência dos Advogados de Sergipe - CAA-SE/OAB. O evento é uma promoção da Ordem dos Advogados do Brasil/Seccional Sergipe (OAB/SE) e do Ministério Público do Trabalho da 20ª Região (PRT20) e conta com o apoio da Secretaria de Estado da Educação (Seed).

A audiência pública, no Supremo Tribunal Federal (STF), que tem como objetivo analisar, do ponto de vista científico, a possibilidade de uso seguro do amianto e os riscos que este material pode trazer à saúde pública, assim como verificar se as fibras alternativas ao amianto são viáveis, teve início no dia 24 de agosto.

Movimentos sociais e pesquisadores afirmam que é possível e urgente produzir sem venenos que afetam a saúde humana e do meio ambiente