Você está aqui

acidente de trabalho

Número de acidentes de trajeto, ocorridos no trajeto entre a residência e o local de trabalho do segurado e vice-versa, com Comunicação de Acidentes do Trabalho (CAT) registrada no INSS e sua estrutura relativa em determinado espaço geográfico, CNAE ou CID, no ano considerado.

Número de acidentes decorrentes da característica da atividade profissional desempenhada pelo segurado acidentado, com Comunicação de Acidentes do Trabalho (CAT) registrada no INSS e sua estrutura relativa em determinado espaço geográfico, CNAE ou CID, no ano considerado.

Não é contabilizado o reinício de tratamento ou afastamento por agravamento de lesão de acidente do trabalho ou doença do trabalho, já comunicado anteriormente ao INSS.

O livro VII do Anuário do Sistema Público de Emprego, Trabalho e Renda, elaborado pelo DIEESE, apresenta um panorama de informações que pretendem mostrar o universo e a evolução dos desligamentos e afastamentos ocasionados por acidentes de trabalho ou doenças ocupacionais no Brasil, além de identificar os motivos para tais.

O Ministério da Saúde acaba de lançar a consulta pública sobre o 1° capítulo do documento de Diretrizes Diagnósticas e Terapêuticas para Intoxicações por Agrotóxicos - Abordagem Geral do Paciente intoxicado por Agrotóxicos, elaborada pelo Departamento de Vigilância em Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador. Esse documento tem como objetivo propor recomendações, baseadas nas melhores evidências científicas disponíveis, que auxiliem os profissionais de saúde na escolha de intervenções adequadas para o atendimento de pacientes intoxicados por agrotóxicos.

Na Fundacentro do Paraná será realizado o curso “A Ergonomia construindo o Método de Árvore de Causas”, que terá como conteúdo programático temas voltados a abordagem da ergonomia; técnicas de entrevista; introdução à Engenharia de Sistemas e o Método de Árvore de Causas.

Para a docente, pesquisadora da Fundacentro do Paraná e especialista em Ergonomia, Mey Rose de Mello Pereira Rink transformar o trabalho é a finalidade primeira da ação ergonômica.

O Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana da Escola Nacional de Saúde Pública (Cesteh/ENSP) promoveu, no dia 3 de maio, o evento Acidentes de Trabalho no Brasil: realidades e desafios, em memória ao Dia Mundial das Vítimas de Acidentes de Trabalho e Doenças do Trabalho, lembrado em 28 de abril, e em comemoração ao Dia do Trabalhador, celebrado mundialmente em 1º de Maio.

Em atenção ao dia 28/04/18, quando se celebra o dia internacional em memória às vítimas de acidentes e doenças relacionadas ao trabalho, o Ministério da Saúde (MS), por intermédio da Coordenação Geral de Saúde do Trabalhador (CGST)/Departamento de Vigilância Ambiental e Saúde do Trabalhador (DSAST)/Secretaria de Vigilância em Saúde, realiza o presente seminário.

Objetivos: Discutir a temática de acidentes e doenças relacionados ao trabalho e seus impactos na vida da trabalhadora e do trabalhador.

Data: 27/04/18

A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) aprovou nesta quarta-feira (4) o relatório da senadora Ana Amélia (PP-RS) favorável ao projeto do senador Paulo Paim (PT-RS) que institui no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) uma nova política voltada para a toxicologia (PLS 56/2014).

Na próxima terça-feira, 30 de maio, será realizada mais uma webconferência fruto da parceria entre o Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana (Cesteh/ENSP) e a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), através Rede Universitária de Telemedicina (RUTE). Com o tema Acidentes de trabalho graves e fatais em menores de 18 anos, a webconferência contará com a participação da coordenadora Estadual de Saúde do Trabalhador de São Paulo, Simone Alves dos Santos.

A partir das 14h do dia 5 de setembro, estará aberto o pré-cadastro para participar de seleção do curso “Método da Árvore de Causas na Investigação e Análise de Acidentes do Trabalho”.

De acordo com o coordenador técnico do curso, Leonidas Ramos Pandaggis, o pré-cadastro que antecede a realização do curso tem como objetivo fazer uma seleção quanto à formação profissional e o campo de atuação dos alunos, para um melhor aproveitamento do curso em face da missão institucional da Fundacentro.