Você está aqui

saúde ambiental

Ao todo, nove volumes da Série “Cidadania para a Saúde: Temas fundamentais para a Reforma Sanitária” já estão disponíveis para download. Além dos livros digitais é possível visualizar as vídeo aulas correspondentes.

A Série faz parte do Projeto “Formação em Cidadania para Saúde: Temas Fundamentais da Reforma Sanitária” e aborda assuntos difíceis e muito caros para a Reforma Sanitária. O intuito é fortalecer e ascender os debates.

OBJETIVO: realizar atividade de ensino e extensão com alunos de graduação para construção de diagnóstico participativo sobre as condições de vida, ambiente e trabalho em núcleo populacional rural, visando subsidiar ações de promoção da saúde pela equipe de agentes comunitários da Estratégia Saúde da Família.

Os Programas de Pós-Graduação em Saúde Pública, Saúde Pública e Meio Ambiente e Epidemiologia em Saúde Pública da ENSP divulgaram os procedimentos para a inscrição de candidatos externos interessados nas disciplinas oferecidas pelos respectivos programas no 1º semestre de 2015. Do mesmo modo, foram publicadas as orientações para matrícula dos alunos de mestrado e doutorado dos programas de Saúde Pública, Saúde Pública e Meio Ambiente e Epidemiologia em Saúde Pública anteriores a 2015. Para os alunos com entrada no próximo ano, os procedimentos exigidos também estão disponíveis.

A ENSP participou do debate público Mineração de Urânio em Caetité: Riscos, Saúde e Ambiente, promovido pela Comissão Paroquial de Meio Ambiente de Caetité (CPMA). Na ocasião, foi lançado o relatório Justiça Ambiental e Mineração de Urânio em Caetité/BA: Avaliação Crítica da Gestão Ambiental e dos Impactos à Saúde Pública da População, trabalho conjunto realizado pela Escola e pelo laboratório francês da Comissão de Pesquisa e Informação Independente sobre Radioatividade (CRIIRAD), fruto de uma parceria iniciada em 2011 no âmbito do projeto internacional Ejolt.

As estratégias e competências do Ministério Público na defesa da saúde e do ambiente é o tema debatido nesta terça-feira, 18 de novembro, às 14 horas em mais um Seminário de Saúde do Trabalhador, promovido pelo Grupo de Ensino e Pesquisa em Epidemiologia do Câncer e o Telessaúde/UERJ. As sessões online ocorrem todas as 3as terça-feira do mês.

O projeto ‘Atlas Brasileiro de Vulnerabilidades Socioambientais’ trata-se de uma parceria entre Centro Brasileiro de Análise e Planejamento - CEBRAP e o Departamento de Vigilância em Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador/ Secretaria de Vigilância em Saúde / Ministério da Saúde - DSAST/SVS/MS. O objetivo principal deste projeto foi reunir variáveis na escala de municípios cobrindo áreas demográficas, de saúde, institucionais, ambientais e socioeconômicas, oriundas das bases de dados de diversas instituições.

Parceria firmada por meio de cooperação técnica entre a Secretaria de Estado da Saúde (SES-TO) com a Organização Panamericana de Saúde e Organização Mundial da Saúde ( OPAS/OMS), da Escola FIOCRUZ de Governo da Gerência Regional de Brasília (EFG/Gereb/Fiocruz promoverá o  curso de Especialização em Promoção e Vigilância em Saúde, Ambiente e Trabalho. Interessados podem se inscrever de 16 a 20 deste mês.

Documento preparado pelo GT FIOCRUZ sobre Saúde na Rio+20 (Paulo Buss, Jorge Machado, Edmundo Gallo, Daniel Buss, Danielly Magalhães, Francisco Netto e Andréia Setti).