Você está aqui

condições de trabalho

A prevalência de transtornos mentais comuns (TMC) contribui para a carga mundial de doenças. O objetivo foi descrever a prevalência de TMC numa amostra de motoristas e cobradores da Região Metropolitana de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil, e verificar se as condições do trânsito e as condições internas aos ônibus estavam associadas ao desfecho. Os respondentes foram 1.607 trabalhadores. A amostra não probabilística foi estimada de acordo com as quotas do efetivo distribuído nas empresas de ônibus (n = 17.470). As entrevistas face a face utilizaram o questionário digital.

Unicamp (FE/IE/IFCH) e Université Paris X – Ouest Nanterre La Défense, Université Paris VIII – Saint Denis, Centre National de Recherche Scientifique (CNRS), Centre de Recherches Sociologiques et Politiques de Paris (Cresppa, CNRS- UMR 7217). Equipe Genre Travail Mobilités (GTM).

O evento acontecerá na  UNICAMP, nos dias 21 e 22 de novembro de 2012, no Auditório I - IFCH.

Coordenação frança – Directrice de recherche Daniele Linhart

Coordenação Brasil – Profa. Dra. Aparecida Neri de Souza

The European Working Conditions Survey is a large-scale, European cross-national, longitudinal survey research programme and is designed to investigate and describe working conditions, the extent of and changes in the workforce and the quality of work.

1. Survey type

  • Cross-national
  • Longitudinal, with waves in 1991, 1996, 2000/2001 and 2005
  • Representative national samples, ≥ 15 years of age
  • Single core questionnaire (no varying modules, but the extent of the questionnaire enlarges with every wave)

2. Participating countries