Você está aqui

Campinas - SP (350950)

Código: 
350950
Nível: 
Município

Informações no sistema

Período: 2.007 a 2.018
Número total de vínculos (RAIS): 7.420.997
Número total de registros de acidentes e doenças do trabalho (AEAT): 65.282
Número de notificações de agravos relacionados ao trabalho (SINAN): 8.382

Procuradoria abriu 178 investigações este ano no interior paulista. Terceirização na construção civil preocupa Ministério Público do Trabalho.

Em comemoração aos seus 25 anos, o Centro de Referência em Saúde do Trabalhador de Campinas realiza ciclo de debates com o tema: Saúde e Trabalho Contemporâneo: Precarização, Assédio e Contaminação. O evento acontecerá nos dias 15 a 17 de maio no Auditório da CATI (Prédio do CETATE), Av Brasil, 2340, Jardim Guanabara, Campinas/SP.

Confira a programação

Dia 15/05/12

8:00 horas – café da manhã

8:30 h: Abertura com solenidades

9:30 h: Painel: A Saúde do Trabalhador na Atenção Primária de Saúde

O seminário ocorrerá nos dias 13 e 14 de novembro de 2014, no Salão Nobre da Faculdade de Educação da UNICAMP e é organizado pelo Gepedisc/FE-Unicamp e CESIT/IE-Unicamp, com apoio do Projeto Temático FAPESP: Contradições do Trabalho no Brasil Atual. Formalização, precariedade, terceirização e regulação.

Programação

Dia 13 de novembro:

Unicamp (FE/IE/IFCH) e Université Paris X – Ouest Nanterre La Défense, Université Paris VIII – Saint Denis, Centre National de Recherche Scientifique (CNRS), Centre de Recherches Sociologiques et Politiques de Paris (Cresppa, CNRS- UMR 7217). Equipe Genre Travail Mobilités (GTM).

O evento acontecerá na  UNICAMP, nos dias 21 e 22 de novembro de 2012, no Auditório I - IFCH.

Coordenação frança – Directrice de recherche Daniele Linhart

Coordenação Brasil – Profa. Dra. Aparecida Neri de Souza

É lei. Quando um trabalhador tem um acidente no trabalho ou alguma doença decorrente da atividade profissional, a empresa deve comunicar o fato ao INSS.

O presente Boletim Epidemiológico da Saúde do Trabalhador (ST) tem o objetivo de apresentar um panorama da Saúde do Trabalhador em Campinas e nas cidades de abrangência do CEREST em comemoração aos 30 anos desta política no município. Pretende-se também considerar os principais desafios e perspectivas para a ST no município, a partir da análise das notificações. 

Campinas (SP) - O juiz Henrique Macedo Hinz, da 9ª Vara do Trabalho de Campinas, condenou a Hollingsworth do Brasil, multinacional americana que produz terminais elétricos, ao pagamento de R$ 1 milhão por danos morais coletivos, em decorrência da exposição de funcionários a riscos ergonômicos e à insalubridade. O ex-médico da empresa também foi sentenciado a pagar R$ 200 mil de indenização, por sonegar a emissão de CAT´s (Comunicações de Acidente de Trabalho), emitindo laudos que não condiziam à realidade, e também pela prática de assédio moral.