Cerest realiza II Simpósio Estadual de Saúde do Trabalhador

O tema central do evento será “ Acidente de trajeto: uma crescente realidade em Roraima”

O Centro de Referência Estadual em Saúde do Trabalhador (Cerest) vai realizar no dia 28 de abril , o II Simpósio Estadual de Saúde do Trabalhador. O evento será no Espaço Valério Caldas de Magalhães (Plenarinho da Assembleia Legislativa), a partir das 8h e terá como tema "Acidente de trajeto: uma crescente realidade em Roraima".

De acordo com o gerente do Cerest, Jean Martins de Araújo, o evento possui a intenção de enfatizar a importância da promoção e prevenção de acidentes e doenças/agravos relacionados ao trabalho no Estado de Roraima. “É a ocasião de sanar as dúvidas dos trabalhadores sobre o tema e também destacar os acidentes de trajeto, que consistem nos acidentes de trânsito que o trabalhador se envolve durante os percursos de ida e volta do trabalho”, explica o gerente reiterando que o trabalhador também possui seus direitos assegurados também nestes casos.

As palestras serão ministradas por colaboradores do Cerest, do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), Central Única dos Trabalhadores (CUT) e Núcleo Estadual de Reabilitação Física 05 de Outubro - NERF. A expectativa é que cerca de 200 pessoas, entre trabalhadores e sindicalistas participem do simpósio.

Em Roraima, entre 2010 e 2013 foram registrados 5.387 de acidentes de trabalho. Destes, 3.998 são considerados acidentes de trabalho graves. “O número está crescente, pois em 2.010 foram 677 casos de acidentes e em 2.103 subiu para 2.063” alerta Martins.

O gerente também destaca que o Cerest atende trabalhadores formais e informais com suspeita de agravos a saúde relacionada ao trabalho. Entre suas atribuições está a vigilância de fatores determinantes e condicionantes ao desencadeamento de acidentes e doenças/agravos relacionados ao trabalho no intuito de minimizar e eliminar os danos aos trabalhadores. O Centro funciona de segunda a sexta, das 7h30 às 13h30.

28 DE ABRIL

Esse dia é lembrado em várias partes do mundo como o Dia Mundial de Segurança e Saúde no Trabalho. Com a morte de 78 trabalhadores em uma mina no estado da Virgínia, Estados Unidos, a Organização Internacional do Trabalho (OIT), a partir de 2003, instituiu este dia para dar maior visibilidade às questões relacionadas à segurança e saúde no meio ambiente do trabalho.

Fonte: Notícias de Roraima, 18/04/2014