Cerest de Picos recebe alunos de projeto nacional

O Centro Regional de Referência em Saúde do Trabalhador de Picos (Cerest/Picos) recebeu, nessa quarta-feira (12), em sua sede, alunos dos cursos de Medicina, Fisioterapia, Enfermagem, Psicologia e Turismo do Projeto Vivência e Estágio na Realidade do Sistema Único de Saúde (VER-SUS), dos municípios de Parnaíba, Teresina e Picos.

O projeto é uma estratégia do Ministério da Saúde, em parceria com a Associação Brasileira da Rede Unida, União Nacional dos Estudantes e Universidade Federal do Piauí (UFPI), com o objetivo de qualificar a formação de profissionais de saúde interessados na melhoria do sistema de saúde dos brasileiros.

Na ocasião, os profissionais do Cerest/Picos mostraram a importância do intercâmbio entre a instituição e os estudantes, como forma de colaborar com o crescimento da saúde do trabalhador na região. “Estamos com um projeto de trabalhar com as universidades, inclusive colocando o Cerest à disposição no campo de estágio em diversas áreas. Essa proximidade dos estudantes fortalece também para o desenvolvimento de nossas ações na área de saúde do trabalhador”, comentou a coordenadora do Cerest/Picos, Maria Teresa.

As visitas dos alunos ao sistema de saúde são acompanhadas por um “facilitador”, profissional responsável por mediar e promover debates sobre assuntos pertinentes e por dar fluxo ao cronograma de trabalho construído coletivamente entre os envolvidos. Além disso, o facilitador age como interlocutor entre a coordenação nacional do projeto, as secretarias e universidades participantes e os estudantes inscritos na vivência.

Além de contribuir para a formação em saúde, o VER-SUS também tem se materializado como uma oportunidade para que gestores e trabalhadores reflitam sobre seus saberes e práticas no cotidiano do trabalho ao receberem os “viventes” (apelido dado aos alunos participantes no projeto). Isto porque a experiência cumpre o desafio de colocar em diálogo gestores, profissionais, pesquisadores, acadêmicos e usuários ao longo dos dias em que os viventes visitam a rede de saúde de um determinado território.

Fonte: Governo do Estado do Piauí, 13/08/2015