Você está aqui

Serviços ambulantes de alimentação (56121)

Código: 
56121
Nível: 
Classe

Informações no sistema

Período: 2.007 a 2.018
Número total de vínculos (RAIS): 212.611
Número total de vínculos com afastamento (RAIS): 12.998
Número total de vínculos com afastamento por doença (RAIS): 7.100
Número total de vínculos com afastamento relacionado ao trabalho (RAIS): 1.056

Refletir os impactos da precarização do trabalho sob o olhar do Direito e da Saúde. É o que propõe o webinário “Multidimensionalidade do Trabalho Precário, Plataformização e Saúde”, promovido pelo Instituto de Saúde Coletiva (ISC/UFBA), em parceria com o Programa de Pós-Graduação em Saúde, Ambiente e Trabalho (PPGSAT) da Faculdade de Medicina da Bahia (FMB). A sessão acontece nesta sexta-feira (1), às 10 horas, com transmissão ao vivo pelo YouTube (youtube.com/labvideoisc).

A pesquisa “Saúde e direitos dos trabalhadores em tempos de plataformas digitais: um olhar sobre a atividade” (FIOCRUZ, UFRJ e UFF) convida para preencimento e divulgação do questionário COVID-19 para motoristas, entregadores e entregadoras que atuam por aplicativos. O questionário tem como objetivo levantar a situação destes trabalhadores em relação ao COVID-19. Esse mapeamento é importante para a discussão e construção de políticas públicas de prevenção e promoção à saúde e direitos destes trabalhadores.

A Divisão de Vigilância em Saúde do Trabalhador da Coordenadoria de Vigilância em Saúde (DVISAT/COVISA), em conformidade com as orientações do Ministério da Saúde, recomenda que os estabelecimentos que utilizam serviços de entrega, assim como aos profissionais que realizam as entregas, adotem as seguintes medidas durante o período de emergência em saúde no Município de São Paulo.

NOTA TÉCNICA CONJUNTA SMS/DVIS/CEREST/VISA No 010/2020

ASSUNTO: Dispõe sobre os aspectos sanitários relacionados aos serviços de alimentação cuja disponibilização ao consumidor se dá por meio de delivery ou retirada de pedidos no estabelecimento.