Você está aqui

Macroconferência debate avanços para a saúde do trabalhador

Data de publicação: 
quinta-feira, 15 Maio, 2014
Tags: 

“Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora, Direitos de Todos e Todas e Dever do Estado” foi o tema debatido nesta quarta e quinta-feira, 14 e 15, no auditório do Colégio Estadual Armando Nogueira (Cean), em Rio Branco.

Nessa última etapa da 2ª Conferência Macrorregional, foram contemplados os municípios do Baixo Acre e Purus.

O evento – promovido pela Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) e o Conselho Estadual de Saúde (CES) – teve como pautas a Política Nacional de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora, sugestões de diretrizes para a definição da Política Estadual de Saúde do Trabalhador, elaboração de propostas para as macrorregiões, bem como, a escolha de delegados para a conferência estadual.

De acordo com a coordenadora da Comissão Intersetorial de Saúde do Trabalhador e Trabalhadora (CISTT), Maria José Lima, a meta é ampliar o debate sobre os avanços em relação à saúde do trabalhador e formatar propostas para serem apresentadas durante a Conferência Nacional sobre a Saúde do Trabalhador.

“São nesses espaços democráticos que as políticas públicas são elaboradas e nos quais são debatidos temas que nos afligem como servidores e trabalhadores e, também, são construídas propostas que serão de fundamental importância para uma discussão nacional”, disse a coordenadora.

Para o vice-presidente do CES/Acre, Evandilson Alves, é importante que haja um amplo debate sobre o tema, como também a participação de todos os servidores da Saúde. Para ele, é essencial a participação de todos, para que assim sejam apresentadas propostas coesas, unificadas e que atendam as particularidades dos estados do Norte do país.

Por Cristiane Marques.