CEREST Ubá promove ação sobre Assédio Moral no Trabalho

Atualizado em:

sexta-feira, 23 Junho, 2017 - 10:43

O Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (CEREST) de Ubá realizou, na última quinta-feira (18), em stand montado na Praça São Januário, uma ação de orientação sobre assédio moral no ambiente de trabalho.

A atividade, que lembra o Dia Nacional de Combate ao Assédio Moral, celebrado em 02 de maio, contou com orientações aos trabalhadores e com a exibição do documentário “A dor (in)visível”.

“Com este evento queremos despertar os trabalhadores para a temática, pois a saúde mental tem interferência significativa na qualidade de vida dentro e fora do ambiente de trabalho e o assédio moral recorrente pode levar ao adoecimento físico e psicológico”, explica a Psicóloga do CEREST, Fernanda Moreno.

A ação teve a participação da Psicóloga Fernanda Moreno, da Assistente Social Geanne Juste e da Fisioterapeuta Fernanda Toledo.

 

O que é Assédio Moral?

O Assédio Moral é caracterizado por comportamentos abusivos, que expõem os trabalhadores de forma repetitiva e prolongada à situações que afetam sua integridade física e, principalmente, psíquica como:

- humilhações;

- agressões verbais e psicológicas;

- pressão desnecessária;

- constrangimento;

- abuso de autoridade e

- isolamento.

O assédio moral afeta, não só a auto-estima do trabalhador, mas também a sua saúde. Por isso, para minimizar as situações de assédio, colegas e empresas podem adotar as seguintes medidas:

- criar um clima social com uma atmosfera mais aberta, onde os conflitos e frustrações possam ser administrados;

- Igualdade na aplicação de práticas administrativas, garantindo um tratamento justo e respeitoso;

- estimular a comunicação e o diálogo permanentes no ambiente de trabalho.

 

O que fazer em caso de Assédio Moral?

- Evite conversar com o agressor em locais isolados. Procure estar sempre na presença de testemunhas ou colegas de trabalho;

- Anote sempre, com detalhes, as humilhações sofridas como: data, hora, local, nome do agressor e de colegas que testemunharam;

- Busque sempre o apoio e carinho de familiares, amigos e colegas para ajudar no enfrentamento da situação.

 

Assédio Moral no trabalho é crime. Não se cale, denuncie!